2
2

NÃO HÁ LIMITES PARA JESUS

“Chegando-se a ele, despertaram-no dizendo: Mestre, Mestre, estamos perecendo! Despertando-se Jesus, repreendeu o vento e a fúria da água. Tudo cessou, e veio a bonança. Então, lhes disse: Onde está a vossa fé? Eles, possuídos de temor e admiração, diziam uns aos outros: Quem é este que até aos ventos e às ondas repreende, e lhe obedecem?” (Lucas 8:24,25).

Bom dia!

Quando o anjo Gabriel anunciou o nascimento de Jesus para Maria, ela lhe perguntou: “Como será isto, pois não tenho relação com homem algum?” (Lucas 1:34). Gabriel lhe respondeu: “Para Deus não haverá impossíveis.” (Lucas 1:37).

Embora nosso Senhor, voluntariamente, tenha se submetido à lei da natureza, lei que Ele mesmo estabeleceu (João 1:3), Ele não apenas pode, mas diversas vezes quebrou essa lei, ao realizar milagres. Jesus curou toda sorte de enfermidades, ressuscitou mortos, andou sobre as águas e exerceu autoridade sobre o vento e sobre o mar! Nada é impossível para Ele.

É claro que tudo isso é incompreensível para a mentalidade moderna e nos espanta muito mais do que espantou os discípulos, os quais viviam sob outra lógica. Porém, o que fica evidente, ao lermos os Evangelhos, é que não há limites para Jesus.

Ele morreu, mas venceu a morte, está vivo e voltará para reunir sua Igreja. Naquele dia, Paulo esclarece que os mortos ouvirão sua voz e despertarão e os vivos serão transformados: “Eis que vos digo um mistério: nem todos dormiremos, mas transformados seremos todos, num momento, num abrir e fechar de olhos, ao ressoar da última trombeta. A trombeta soará, os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados.” (1 Coríntios 15:51,52).

Por não compreenderem, nem aceitarem essas revelações, os inimigos da fé desejam duas coisas: destruir o passado e com ele as promessas do Evangelho; e destruir o futuro, e com ele todas as nossas esperanças. Eles querem viver aprisionados no momento, entre o passado e o futuro. Aí tudo fica como disse João Grilo, personagem criado por Ariano Suassuna: “Vida sem graça, vida sem jeito!”

O que fazer diante dos ataques cada vez mais constantes contra a fé? Devemos recusar a crer nas promessas daquele que tudo pode e ouvir os inimigos da cruz? De modo nenhum. “Escreve, pois: Eis que o ímpio está cada vez mais arrogante; suas vontades não visam o bem; mas o justo viverá pela sua fé.” (Habacuque 2:4).

Não permita que destruam sua fé! Quando o anjo Gabriel disse à Maria que não havia limites para Deus, ela respondeu-lhe: ” Aqui está a serva do Senhor; que se cumpra em mim conforme a tua palavra.” (Lucas 1:38).

Cel. Cícero Nunes

Cel. Cícero Nunes

Professor Estudo Bíblico

Cícero Nunes Moreira é casado com Cibele Mattiello da Rocha Moreira. Ordenado ao ministério sacerdotal há vinte e cinco anos, autor e Pastor na Igreja Evangélica Vida com com Cristo e capelão voluntário na Policia Militar de Minas Gerais com atuação, principalmente na Academia de Policia Militar e no Hospital da Policia Militar. Mestre em Ciências da Religião pela PUC Minas e Coronel do Quadro de Oficiais da Reserva. Autor do Livro Religião e Direitos Humanos na Policia Militar e Segue-me! Conectando-se ao Evangelho de Lucas.

Você também pode gostar…