2
2

CHAMADOS PARA OUVIR

“Enquanto assim falava, veio uma nuvem e os envolveu; e encheram-se de medo ao entrarem na nuvem. E dela veio uma voz, dizendo: Este é o meu Filho, o meu eleito; a ele ouvi.” (Lucas 9:34,35).

Bom dia!

Antes de sua morte, dentre as várias instruções e revelações que deixou, Moisés disse para o povo que, do meio deles, Deus levantaria um grande profeta, semelhante a ele a quem deviam ouvir: “O Senhor, teu Deus, te suscitará um profeta do meio de ti, de teus irmãos, semelhante a mim; a ele ouvirás.” (Deuteronômio 18:15). A profecia de Moisés é uma dentre as diversas que apontavam para a vinda do Messias.

Por mais que neguemos, a verdade é que estamos constantemente a ouvir e obedecer a alguém, seja de maneira consciente e voluntária, ou não. Nisso devemos vigiar, pois há muita manipulação de comportamento e podemos acreditar que estamos seguindo a verdade, e seguindo a voz de Deus, quando, nem sempre, estamos.

Uma regra nós podemos seguir: Deus nunca nos fala em contradição com sua Palavra escrita. Ela é nossa garantia, uma referência que nos ajuda a discernir a voz de Deus das outras vozes. É por meio da Escritura que Ele nos fala com maior clareza e frequência.

No Evangelho de João, ao se apresentar como o Bom Pastor, Jesus afirmou: “As minhas ovelhas ouvem a minha voz; eu as conheço, e elas me seguem.” (João 10:27). Na transfiguração, Deus nos ordenou a ouvir Jesus, coisa que nem sempre conseguimos fazer, pois nos apresentamos sempre para Ele falando e falando muito. Reclamamos, choramos e falamos. Raramente nos calamos e esperamos que Ele nos fale.

O Senhor fala conosco mais do que pensamos. Fala quando lemos sua Palavra e fala, mansamente, ao nosso coração. É fato, entretanto, que ignoramos sua voz e o desobedecemos com frequência. De fato, ouvir implica em obedecer a sua voz, ouvi-lo e segui-lo é mais do que escutar sua mensagem, é fazer o que Ele manda.

Em um momento em que estavam presentes Jesus, Moisés e Elias, Deus separou e identificou seu Filho Jesus para os discípulos e os ordenou a ouvi-lo. Moisés e Elias foram vozes importantes na história da redenção, mas agora entramos em um outro momento, é tempo de ouvir e seguir Jesus. Suas ovelhas ouvem sua voz e o seguem.

Cel. Cícero Nunes

Cel. Cícero Nunes

Professor Estudo Bíblico

Cícero Nunes Moreira é casado com Cibele Mattiello da Rocha Moreira. Ordenado ao ministério sacerdotal há vinte e cinco anos, autor e Pastor na Igreja Evangélica Vida com com Cristo e capelão voluntário na Policia Militar de Minas Gerais com atuação, principalmente na Academia de Policia Militar e no Hospital da Policia Militar. Mestre em Ciências da Religião pela PUC Minas e Coronel do Quadro de Oficiais da Reserva. Autor do Livro Religião e Direitos Humanos na Policia Militar e Segue-me! Conectando-se ao Evangelho de Lucas.

Você também pode gostar…